fbpx

Faro | Biblioteca Municipal assinala o Dia Mundial da Poesia

Regionais
Tools
Typography

A Biblioteca Municipal de Faro António Ramos Rosa, continuando a sua missão de fomentar o gosto pelo livro e pela leitura, está a promover, durante o mês de março, um conjunto de iniciativas que assinalarão o Dia Mundial da Poesia.

No dia 15, às 17h30, terá lugar mais uma sessão do Ciclo Mensal de Poesia, Quando a Poesia Acontece, uma parceria com o Elos Clube de Faro, em que estará em destaque a obra de Almada Negreiros.

No dia 21 – Dia Mundial da Poesia – pelas 14h30, realizar-se-á a atividade “O Verde da Poesia”, para crianças dos 3 aos 5 anos e 1º Ciclo; às 18h00 “Era uma vez a poesia”, que terá como público-alvo as famílias. Estas atividades terão lugar na sala da Hora do Conto. Pelas 18h00, a Biblioteca apresentará a sessão “A vida não basta, precisamos de lhe acrescentar poesia!”, da responsabilidade de Filomena Branco, na qual iremos ouvir poesia mas também dos seus autores.

Durante todo o dia, a Biblioteca distribui aos seus leitores e visitantes Um poema em troca de um sorriso, com a colaboração do Curso Profissional de Técnico de Organização de Eventos da Escola Secundária Pinheiro e Rosa.

Desde o início do corrente mês, estão patentes no átrio da Biblioteca, a Mostra Bibliográfica que assinala os 450 anos da edição princeps d’Os Lusíadas que integra, para além de algumas edições da obra e estudos sobre o Poeta, um exemplar da 3ª edição do Poema, datada de 1609, que faz parte do acervo do Fundo Antigo da BMF, bem como um destaque bibliográfico com alguns livros dos autores mais marcantes da poesia portuguesa, dos Cancioneiros ao século XX.

Porque «LER É O MELHOR REMÉDIO», relembramos que a Administração Regional de Saúde do Algarve em parceria com a Biblioteca Municipal de Faro continua a distribuir "receitas poéticas", recomendando aos utentes a toma de poemas da autoria de diversos autores. No âmbito deste projeto, a Biblioteca Municipal de Faro terá um livro para oferecer a todos os cidadãos que apresentem a “receita poética”.

Mun de FaroBibliotecaMunFaro

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS