fbpx

Arte e Ecologia | Exposição Sustentar chega ao Algarve e fica até março

Regionais
Tools
Typography

Depois de alguns meses no Alentejo, a Sustentar desce ao Algarve para apresentar a exposição num outro concelho participante no projeto, Loulé. De dia 4 de fevereiro a 3 de março, na Galeria de Arte do Convento Espírito Santo, em Loulé, será possível conhecer os projetos artísticos resultado de meses de trabalho focados em iniciativas experimentais na área da sustentabilidade. A entrada na exposição é gratuita, de terça a sexta-feira das 09h30 às 17h30 e ao sábado das 09h30 às 16h00.

Através do “Sustentar”, a Ci.CLO pretende criar uma plataforma de projetos artísticos com apoio curatorial tendo como eixo temático a sustentabilidade, contribuindo para uma maior consciencialização crítica sobre as vulnerabilidades ecológicas e sociais que enfrentamos.

No município de Loulé, Nuno Barroso teve oportunidade de conhecer o Geoparque Algarvensis Loulé-Silves-Albufeira e suas pessoas, iniciando a obra “Geoparque. Nesta série de fotografias, está contida a história da Terra e de um território singular que é o Algarve, onde a beira mar, o barrocal e a serra estão interligados horizontalmente numa série de camadas sobrepostas. Um trabalho que especula sobre os paradigmas deste território através da exploração da multirrealidade em torno da agricultura, energia e atividade turística e que pode ser conhecido na sua cidade natal.

A exposição integra também os trabalhos de outros cinco artistas e territórios. Sobre as alterações climáticas em Mértola, veja-se o projeto de Evgenia Emets, a “Arte de Sombrear o Sol”. Também sobre a resiliência de um território face aos desafios climáticos, apresenta-se “O Leito do Rio”, de Samuel Mountford, desenvolvido no Parque de Noudar, em Mourão. Maria Oliveira, em “De Vagar o Mar”, cria um cenário metafórico nas salinas da Figueira da Foz. O projeto “Em Plena Luz” da Elisa Azevedo reflete a inovação da captação de luz solar em Évora. Setúbal está representado por “Hoje, Translúcido” de Margarida Reis Pereira, que aborda as memórias e identidade dos bairros do Grito do Povo e dos Pescadores. 

A exposição “Sustentar” está até ao dia 3 de março em Loulé. No itinerário do projeto estão ainda Setúbal, 27 de maio a 19 de junho, e termina a viagem em Évora, de 30 de junho a 31 de julho.  Para acompanhar o percurso da Sustentar pode consultar o programa em https://ciclo.art/sustentar/sustentar-2020-21/.  

Sobre a Sustentar

Esta é a primeira edição do Programa Sustentar, que se debruça sobre iniciativas que já foram ou estão a ser implementadas em território nacional como resposta aos desafios ecológicos e sociais que enfrentamos. Curadores, artistas e especialistas juntaram-se para o desenvolvimento de projetos artísticos sobre iniciativas de sustentabilidade concretas:  POCITYF, Núcleo Museológico do Sal, Geoparque Algarvensis Loulé-Silves-Albufeira, Transição agroecológica, Setúbal Preserva bairros do Grito do Povo e dos Pescadores e LIFE Montado-Adapt, em parceria com as Câmaras Municipais de Évora, Figueira da Foz, Loulé, Mértola, Setúbal e com a EDIA.  

Sobre a Ci.CLO Plataforma de Fotografia

A Ci.CLO é uma plataforma de pesquisa, criação e ação na área da fotografia que estabelece uma relação transdisciplinar com outros campos artísticos, ambientais e sociais para abordar criticamente preocupações e emergências do nosso tempo.

Os seus projetos procuram contribuir para uma regeneração socioecológica através das artes: apoiando práticas de produção artística mais sustentáveis, testando processos de criação e formação transformadores, estimulando diálogos com diversos territórios e comunidades.

A Ci.CLO vê-se como parte de um ecossistema em constante autoanálise e mutação, sustentado por uma interligação cíclica entre a conceção, a criação, a exposição e as dinâmicas que emergem destas relações.

Colabora com artistas, curadores, agentes culturais, comunidades, municípios e instituições nacionais e estrangeiras para organizar residências artísticas, implementar programas educacionais, produzir exposições e publicações.

A Ci.CLO é responsável pela organização, produção e curadoria da Bienal Fotografia do Porto, Sustentar e ViViFiCAR.

Silver LiningExpoSustentar

 

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS