fbpx

ATA | Diversificação de Mercados, Sustentabilidade e Transição Digital são Prioridades na Promoção Externa do Turismo do Algarve

Regionais
Tools
Typography

As linhas de atuação definidas para a promoção externa do Algarve foram hoje apresentadas na cerimónia de tomada de posse da nova Direção da Associação Turismo do Algarve (ATA), a entidade responsável pela promoção deste destino junto dos mercados internacionais. Entre as prioridades para o novo mandato estão temas como a diversificação de mercados, o crescimento sustentável, a aposta na transição digital e a qualificação de recursos humanos no setor do turismo.

No seu discurso, João Fernandes, presidente da Região de Turismo do Algarve (RTA), agora reconduzido para um segundo mandato à frente da ATA, explicou que, não se tratando de objetivos novos, a pandemia veio acentuar a necessidade de reforçar estas linhas de ação que já vinham a orientar os planos de promoção e de desenvolvimento turís co da região.

Definindo a retoma do tráfego aéreo no espaço europeu como primeira meta a alcançar, a estratégia da nova Direção passa por continuar a apostar na diversificação de mercados, de modo a assegurar um crescimento do turismo da região mais sustentável e menos dependente do Reino Unido – o seu principal mercado. Ainda assim, o Algarve não pretende abrir mão da ligação privilegiada que tem com este mercado, razão pela qual irá ser trabalhada uma requalificação dessa relação, para que a região continue a ser vista pelos turistas britânicos como um destino competitivo e diferenciador no contexto pós-Brexit e pós-pandemia.

Outro dos propósitos da nova direção da ATA é o de continuar a promover um crescimento turístico do destino, em qualidade e de forma sustentável, com uma melhoria de desempenho que não se traduza apenas em termos económicos, mas também sociais, ambientais e territoriais. Neste contexto, foram apresentados como principais desafios a necessidade de estruturar uma oferta cada vez mais sustentável, de qualificar os agentes do setor neste âmbito e de promover uma maior divulgação deste tipo de atividade turísticas.

qualificação de profissionais no setor do turismo é mais um dos desafios que serão tidos em conta no novo mandato. Nas palavras de João Fernandes, as soluções passam, não só por continuar a investir na formação de recursos humanos, mas também por promover condições para a fixação de trabalhadores na região, de forma permanente ou temporária, e por tornar os fluxos sazonais mais apelativos, com políticas de habitação condignas e facilidades de mobilidade e de acesso a serviços, capazes de cativar e de motivar as pessoas a escolher vir trabalhar para o Algarve.

Em linha com as principais tendências de mercado e com os novos comportamentos dos viajantes, a nova estratégia vai também refletir a necessidade de reinvenção e de aposta na transição digital, que será materializada numa presença ainda mais robusta do destino em diversas plataformas digitais. O objetivo é que a presença do Algarve no online não fique apenas restrita à possibilidade de promover a sua oferta turística numa montra global, mas que seja trabalhada e potenciada de forma a dar resposta a uma procura mais direcionada, a permitir a identificação de novas oportunidades de negócios, a possibilitar a organização e estruturação de novas ofertas, e a alcançar novos mercados e segmentos.

Por fim, João Fernandes destacou ainda a intenção da ATA de garantir uma maior proximidade com todos os seus associados, de forma a perceber os desafios que têm em mãos e de os ajudar a identificar novos caminhos e oportunidades. Com esta finalidade, foi anunciada a criação de grupos de trabalho distintos, vocacionados para cada um dos principais produtos que compõem a oferta turística do Algarve, onde os associados serão convidados a ter um papel ativo e a contribuir para a sua valorização.

Numa altura em que se completa um ciclo de três anos de sinergia e de trabalho conjunto entre a ATA e a RTA, com a partilha do mesmo presidente, João Fernandes referiu que este foi um desafio superado com distinção, que permitiu colocar o turismo do Algarve a falar a uma só voz e tornar a comunicação do destino mais forte e coesa. Por esta razão, assumiu a expectativa de manter a continuidade deste trabalho conjunto, tornando esta parceria cada vez mais evidente e natural.

Durante o seu discurso, o presidente da ATA deixou também uma palavra de agradecimento a todos os membros da Direção cessante, destacando o seu sentido de compromisso e a sua dedicação, sobretudo ao longo de um dos períodos mais críticos que o setor do turismo já conheceu. Aos novos elementos hoje empossados, confiou a missão de dar continuidade ao exigente desafio de ajudar na recuperação do turismo da região e de lhe devolver a saúde e o vigor que o caracterizam.

A acompanhar João Fernandes na nova Direção, que ficará em funções até 2024, estão:

  • Vice-Presidente - Hotel Quinta do Lago (Grampiam, SA.), representado por Filipe José Rosário do Adro
  • Vice-Presidente - APAVT (Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo), representada por Duarte Manuel Gois Correia
  • Vice-Presidente - Benamor (A vidades Turísticas, SA.), João Paulo Carvalho Oliveira e Sousa
  • Vice-Presidente - Vila Monte Farm House (Discovery Hotel Management), representada por Pedro Minetto Ferreira Neto
  • Vice-Presidente - Hotel Eva (AP Hotels & Resorts), representada por Emanuel José Moreira de Freitas
  • Suplente – VISACAR (Aluguer de Veículos Motorizados Automóveis, SA.), representada por Honório Manuel Bernardo Teixeira
  • Suplente - Associação Vilamoura Visitors, Residents & Conventions Bureau, representada por Isolete Jerónimo Café Correia

ATAJoaoFernandesATA1

 

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS