Silves | Presidentes das Assembleias Municipais do Algarve apelam à Navegabilidade do Rio Arade

Regionais
Tools
Typography

Decorreu em Silves, no passado sábado, dia 14 do corrente mês, o 11.º encontro de Presidentes das Assembleias Municipais do Algarve, subordinado ao tema “O Rio Arade e a sua navegabilidade como fator de desenvolvimento socioeconómico no Algarve”.

A iniciativa foi precedida de uma visita guiada com a subida do rio Arade, desde a marina de Portimão até ao cais de Silves, onde os participantes presenciaram “in loco” as potencialidades do rio Arade e os constrangimentos à sua navegabilidade.

Chegados a Silves, o encontro culminou com um colóquio, realizado na Fissul, sobre o tema proposto, em que participaram os Presidentes das Assembleias Municipais do Algarve, bem como diversas entidades e personalidades, que concluíram unanimemente o seguinte:

  1. O projeto de desassoreamento, navegabilidade e requalificação das margens do Rio Arade, entre Portimão e Silves, constitui um projeto estruturante para a região do Algarve.
  1. A sua inscrição no futuro, com o apoio da CCDR-Algarve, no Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), agregado ao alargamento do Porto de Cruzeiro de Portimão, constitui o reconhecimento da sua relevância para o desenvolvimento económico sustentável da região do Algarve.
  1. O desassoreamento e a navegabilidade do Rio Arade deverão ser considerados numa visão integrada do Algarve, no que respeita ao seu desenvolvimento em torno de dois eixos fundamentais, o do Rio Guadiana e o do Rio Arade, na perspetiva do reforço da coesão territorial e social, da promoção das acessibilidades e mobilidade de pessoas e bens e da diversificação da oferta turística regional, valorizando os territórios e as populações do interior algarvio e reduzindo as assimetrias regionais.

GRP do Mun SilvesNavegarRioArade

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS