Aljezur | Câmara Municipal apoia os Músicos e Agentes ligados ao Espetáculo

Regionais
Tools
Typography

Há cerca de um ano atrás, abatia-se sobre a humanidade uma nova realidade, que ditaria uma mudança drástica no modo de vida de todos nós. Esta nova realidade que se manifestou na forma de uma doença silenciosa, que cresceu em pandemia e que apresentou como única arma eficaz a imposição da necessidade de evitar a concentração de pessoas e promover a implementação de um distanciamento social  efetivo, de modo a conter um contágio desenfreado desta doença chamada COVID-19.

Os eventos culturais, os espetáculos musicais e os eventos de várias ordens, foram cancelados e adiados. Muitos profissionais e empresas ligadas ao mundo da cultura e dos espetáculos, têm sido fortemente castigados por toda esta situação. Aljezur não fugiu a essa realidade e na presença da situação epidemiológica e da forte aposta na sua contenção, foram suspensos vários momentos que acabaram mesmo por não acontecer, no decorrer deste último ano.

Um dos sectores mais atingidos foi, sem dúvida, a Cultura nas suas mais variadas vertentes,  e dentro destas vertentes a música e todos aqueles que com ela trabalham.

Assim e em concreto o Município de Aljezur decidiu contratar todos os artistas que tradicionalmente animavam os grandes eventos que se realizavam antes da Pandemia do Covid, nomeadamente a Feira do Folar, o Festival da Batata Doce de Aljezur, ou a noite multicultural, as animações de verão pelas freguesias, as populares festas das coletividade locais tão procuradas no verão.

Os artistas Rita Melo, Bruno Amendoeira, Bruno Neves, Telma e Esmeraldino, Ricardo Pires, Pouca Terra, Zélia, Dj Ventura e Gonçalo Raimundo, Salomé, Projecto Entrelaçar, foram convidados a gravarem uma apresentação de som e imagem, que irá ser transmitida nas redes sociais (Facebook, Site do Município, etc,) e posteriormente entregue aos artistas, como elemento de divulgação do seu trabalho.

Mun de AljezurAgentesEspetaculo

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS