Olhão | Casa da Juventude celebra 17 anos e aposta no Talento dos Mais Novos

Regionais
Tools
Typography

A Casa da Juventude de Olhão (CJO) completou ontem, 20 de maio, 17 anos de existência. A data foi assinalada com um concerto dos The Black Teddys, banda que nasceu neste espaço municipal e que o público teve oportunidade de ver online. O presidente da autarquia deu os parabéns por mais um aniversário e destacou algumas das pessoas que ajudaram a erguer este espaço dedicado aos jovens olhanenses.

No espaço exterior recentemente renovado da CJO, que agora conta com zona verde, sombras e bancos, António Miguel Pina destacou o percurso desta instituição, com “17 anos de grande atividade, que acompanhou gerações de rapazes e raparigas olhanenses. Vários colaboradores já aqui deram o melhor de si, acompanhando os milhares de jovens que passam anualmente por este espaço e continuando a apostar nas suas ideias e talentos”, destacou o autarca olhanense.

Ao lado de António Miguel Pina, para celebrar a data, estiveram António Camacho, o vereador com o pelouro da Juventude; Paulo Farinho, chefe do departamento de Educação, Desporto e Juventude; Vítor Lopes, que era o vereador da Juventude quando a CJO nasceu; e João Evaristo, o criador do “Mostra-te”, a marca maior da CJO, que este ano já vai na sua décima edição.

“Desejamos que em breve a grande dinâmica que é reconhecida à CJO volte - uma vez que no último ano, e devido à pandemia, muitas das iniciativas tiveram que passar a ser feitas online -, para que todos possam usufruir deste magnífico espaço”, destacou o presidente do Município de Olhão, lembrando que os The Black Teddys, cuja atuação assinalou este 17º aniversário, são um bom exemplo do que aquele espaço permitiu trazer ao público em geral e, sobretudo, aos jovens olhanenses.

The Black Teddys nasceram aqui, tal como muitos outros jovens músicos, atores, bailarinos, pintores, ginastas, escritores ou ilustradores...  Afinal, são cerca de 7.000 os adolescentes que passam por este espaço anualmente, trazendo vida e aprendizagem constantemente renovadas.

Inaugurada a 20 de maio de 2004, a CJO começou por ter o seu espaço na Avenida da República, passando em 2008 para as atuais instalações, criadas para responder ativamente às necessidades dos jovens do concelho.

Localizada no edifício contíguo à Biblioteca Municipal José Mariano Gago, possui um conjunto de espaços polivalentes onde os jovens são convidados a partilhar, conhecer, empreender e otimizar as suas capacidades criativas, cognitivas e de modernização.

São 17 anos de irreverência, criatividade e história que foram construídos em conjunto com os jovens e com as entidades do concelho que em muito contribuem para formar o futuro de Olhão.

Projetos como “Bandas da Casa”, “Palco Aberto”, “Mostra-te ao Vivo”, “Teatrão” ou “Sai à rua”, assim como festivais de curtas, demonstrações, artes circenses, exposições e um sem fim de clubes, workshops e eventos, fazem parte destes 17 anos da CJO, onde os jovens continuam a ter a oportunidade de participar em experiências únicas.

Mun de Olhão
CasaJuventudeOIlhao1
BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS