Depois da capacitação, Almargem propõe reflexão sobre Oportunidades no Turismo em Monchique

Regionais
Tools
Typography

As Ações de Capacitação “Preparar Monchique para o produto Walking”, que a Associação Almargem tem vindo a promover junto do tecido empresarial com atuação no concelho de Monchique, desde o passado mês de março, aproximam-se agora da reta final. Para marcar o encerramento deste programa, a Almargem realiza uma sessão online, no próximo dia 4 de maio, com início às 10h30, onde apresenta os resultados desta iniciativa, com o diagnóstico e as oportunidades identificadas durante o trabalho desenvolvido com os empresários de unidades de alojamento e de animação turística participantes.

Este balanço serve de mote para a reflexão que se propõe aos vários agentes integrantes do projeto “Revitalizar Monchique – O Turismo como Catalisador”, financiado pelo Turismo de Portugal ao abrigo do programa RegFin, e no âmbito do qual foram promovidas estas ações. Em formato mesa-redonda digital, através da plataforma ZOOM, “Monchique: Uma Serra de oportunidades” abrirá espaço para debate sobre o futuro deste território e os desafios e potencialidades ao nível do turismo de natureza, cultural e criativo.

Esta sessão conta com a participação de Fátima Catarina, vice-presidente da Região de Turismo do Algarve, entidade gestora do projeto, João Portugal, do Turismo de Portugal, bem como dos co-promotores, representados por Anabela Santos, da Associação Almargem, Rui André, presidente da Câmara Municipal de Monchique, e Ana Vargues, gestora sénior de produto Natureza, Desporto e Saúde e Bem-Estar na Associação Turismo do Algarve. O painel completa com Luís Coelho, da A2Z Tourism Consulting, empresa executora destas ações de capacitação. A moderação deste debate está a cargo da jornalista Elisabete Rodrigues, diretora do jornal Sul Informação

Ao longo de um mês e meio, os empresários foram integrados neste programa, onde foram identificadas as características dos principais mercados emissores e as boas práticas aplicadas a esta atividade turística, com enfoque no produto Walking, passando posteriormente por uma ação de coaching sectorial, para levantamento das potencialidades existentes e estruturação da oferta. Além da integração de conteúdos, o programa promoveu uma oportunidade de networking entre os vários participantes.

Com estas ações, a Almargem, gestora da Grande Rota Pedestre GR13 - Via Algarviana e da rede de percursos pedestres complementares implementados neste território, teve como principal objetivo capacitar o tecido empresarial para o posicionamento de Monchique como um destino de excelência para o turismo de Walking.

A participação nesta Sessão de Encerramento é livre e gratuita, mas a inscrição prévia é obrigatória através do preenchimento do formulário disponível no website da Via Algarviana, em www.viaalgarviana.org. A sessão será também transmitida em direto nas páginas de Facebook da Almargem e da Via Algarviana, mas o debate apenas estará acessível aos participantes através da plataforma ZOOM.

Ações de Capacitação “Preparar Monchique para o produto Walking

Estas ações estão enquadradas na candidatura “Revitalizar Monchique – o Turismo como Catalisador”, aprovada e financiada pelo Turismo de Portugal, ao abrigo do programa RegFin. Este projeto, submetido após o incêndio que, em 2018, afetou gravemente os concelhos de Monchique e Silves, é coordenado pela Região de Turismo do Algarve e promovido conjuntamente pela Associação Turismo do Algarve, pela Almargem – Associação de Defesa do Património Cultural e Ambiental do Algarve e pelo Município de Monchique.

Sobre a Associação Almargem

A Almargem - Associação de Defesa do Património Cultural e Ambiental do Algarve, fundada em 1988, é uma Organização Não Governamental de Ambiente (ONGA), de âmbito regional, com sede em Loulé, que desenvolve ações em várias áreas, nomeadamente no foro da conservação do património natural e cultural, da educação para o desenvolvimento sustentável e da intervenção e educação comunitária.

Sobre a GR13 - Via Algarviana

A Grande Rota Pedestre (GR13) Via Algarviana liga Alcoutim ao Cabo de São Vicente, numa extensão de cerca de 300 quilómetros, percorrendo os territórios de baixa densidade. Além do seu eixo principal, engloba uma grande rede de produtos complementares, em parceria com 13 Municípios do Algarve (Albufeira, Alcoutim, Aljezur, Castro Marim, Lagoa, Lagos, Loulé, Monchique, Portimão, São Brás de Alportel, Silves, Tavira e Vila do Bispo). 

O território “Via Algarviana” tem contribuído para o desenvolvimento de uma rede de percursos pedestres no Algarve, devidamente sinalizados e divulgados, com a missão de promover o património natural e cultural do interior algarvio, procurando atrair cada vez mais visitantes e estimular a dinamização da economia local.

Associação AlmargemCapacitarMonchiqueCapacitarMonchique1

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS