Forum Cidadania | Água - um Direito da Vida, por uma Gestão Sustentável

Regionais
Tools
Typography

No próximo domingo, dia 14 de Março, acontece a segunda sessão do Fórum Cidadania com o tema Água: um Direito da Vida, por uma Gestão Sustentável. O evento online é transmitido pelas 18 horas, através da página de facebook da organização Cidadãos pelo CEAT e Hortas Urbanas de Tavira. A sessão que é moderada por membros do movimento conta com a intervenção de especialistas, e todos os cidadãos são convidados a se integrar e participar.

A sessão temática foi organizada devido ao crescente interesse cidadão na problemática da água. Com a queda das últimas chuvas, muitos de nós sentimo-nos aliviados pensando que num potencial aumento da pluviosidade está a resolução do problema hídrico. Será mesmo isto verdade? Alguns afirmam que a falta de água no Algarve é um problema estrutural e não serão as grandes obras de engenharia que colocarão um ponto final à questão. Neste caso, a polémica encerra uma grande oportunidade: construir uma gestão dos recursos hídricos que seja deveras participativa e integrada. Os algarvios não são meros consumidores, senão valiosos parceiros que buscam ser ouvidos e contribuintes para o encontro de soluções que devolvam por exemplo aos jovens e às gerações futuras as chances de prosperarem, face aos inúmeros desafios que encontrarão pela frente.

Acreditamos que, junto com o poder público e demais atores sociais, podemos alcançar uma diversificação da proveniência das águas que precisamos para governar as nossas necessidades. Águas superficiais, subterrâneas, pluviais e aquelas provenientes de águas residuais tratadas são adequadas, cada uma, para uma finalidade diferente e devem ser vistas como complementares e integrantes de um único sistema. Afinal, a nossa água é uma só, mas ela merece ser utilizada da forma mais inteligente possível. Transparência nos consumos e nos valores das perdas de água da rede é necessária para um consumo mais estratégico que leve a uma harmonia entre os diferentes setores económicos - nomeadamente a agricultura com 56,8% dos consumos, o setor urbano com 34%, além dos setores do turismo/golfes e indústria.

Finalmente, é necessário lembrar que a água é um direito de todas as formas de vida. Precisamos contribuir para a saúde dos ecossistemas que prestam valiosos serviços dos quais todos os seres vivos usufruem, entre eles a filtragem da água, abastecimento de aquíferos e biorremediação de águas contaminadas. Estes são valiosos stakeholders que devem ser regenerados e incorporados no planeamento urbano, afim de tornar as nossas cidades sensíveis à água, bem como resilientes a eventos climáticos. Com isto, convidamos todos a construir um ambiente de conversa para descobrirmos qual é o Algarve que queremos sustentar.

Cidadãos pelo CEA TaviraForumCidadaniaAgua

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS