Faro | Município lança Concurso de Conceção para a Requalificação do Eixo Central da Baixa de Faro

Regionais
Tools
Typography

A Câmara Municipal de Faro acaba de lançar um concurso de ideias para a conceção de um projeto de requalificação de toda a área urbana entre a estação de comboios e o largo de São Francisco. 

O concurso prevê a seleção de três trabalhos de conceção e as propostas podem ser entregues por equipas multidisciplinares coordenadas por um(a) arquitecto(a) ou arquitecto(a) paisagista até às 17h00 do dia 2 de fevereiro de 2021. As respetivas peças estão integralmente disponibilizadas na plataforma eletrónica da AcinGov. Os primeiros três classificados irão receber um prémio no valor de 13.000,00€ (1.º prémio), 8.000,00€ (2.º prémio) e 4.000,00€ (3.º prémio).

O Projeto de Requalificação do Eixo Central – Baixa de Faro insere-se numa estratégia desenvolvida pelo Município de promoção do desenvolvimento sustentado do concelho, surgindo, em particular, no âmbito de um conjunto de intervenções que estão a ser planeadas para a revitalização da frente ribeirinha e dos espaços urbanos que dela fazem parte. 

Com uma área de cerca de 4,3 hectares e uma extensão de aproximadamente 1.150 metros referentes a uma faixa que se estende entre o Largo da Estação e o Largo de São Francisco, a área de intervenção é definida a sul e a nascente pelos limites naturais da Ria Formosa e pela muralha da cidade antiga; a poente pelo Largo da Estação de caminho-de-ferro que através do eixo da Avenida da República se prolonga pelo Jardim Manuel Bivar até à cintura muralhada da Vila Adentro e contíguo Largo de São Francisco.

Os concorrentes selecionados em fase de concurso de conceção, consideram-se também apurados para efeito do consequente convite para procedimento de consulta prévia.

O valor destinado ao projeto é de 150.000,00€, estimando-se um investimento de 4 milhões de euros para a execução da obra.

Com esta obra pretende-se regenerar, reabilitar e reconverter os espaços públicos integrados na área de intervenção, em franca articulação com zona ribeirinha. Por conseguinte, para o Presidente Rogério Bacalhau, trata-se de um “projeto estruturante” e, simultaneamente, “uma boa oportunidade para se repensar a cidade, com vista à melhoria da qualidade de vida urbana”.

DCM da CM FaroBaixaFaroRequalifica

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS