Loulé | Festival MED voltou a ser Distinguido nos Iberian Festival Awards

Regionais
Tools
Typography

O Festival MED voltou a ser distinguido nos Iberian Festival Awards e, nesta noite de 17 de outubro, arrecadou mais dois galardões destes prestigiados prémios: Melhor Festival Lusófono e Hispânico da Península Ibérica, e Melhor Promoção Turística, no contexto dos festivais de música portugueses.

Pela primeira vez realizado num formato online, devido às restrições impostas pela conjuntura pandémica, os Iberian Festival Awards assinalaram este sábado a sua 5ª edição, inicialmente prevista para o mês de março, e como já é habitual, o Festival MED faz parte da lista de vencedores.

Das 500 bandas que já pisaram o MED, uma elevada percentagem apresenta-se com um repertório em língua portuguesa ou em castelhano. 

A lusofonia tem marcado presença, não só através dos projetos nacionais, mas também de artistas oriundos do Brasil como Tom Zé, a Curva da Cintura ou Marcelo D2, e dos PALOPs, dos quais fazem parte Bonga, Lura ou Os Tubarões.

Já a presença dos artistas hispânicos, originários de Espanha ou da América Latina, tem sido uma aposta para atrair o público espanhol. Artistas de destaque do panorama musical do país vizinho, como Ojos de Brujo, Macaco ou Concha Buica, ou nomes incontornáveis da música latino-americana, reconhecidos internacionalmente, como Buena Vista Social Club (Cuba) ou Bajofondo Tango Club (Argentina) já pisaram o palco do MED.

Pela segunda vez, o Festival MED arrecada o prémio de Melhor Promoção Turística, mas desta vez como vencedor nacional, tendo o espanhol “Festival Jardins Pedralbes” vencido no contexto ibérico. 

Num concelho em que o turismo tem um papel determinante para a economia local, o MED tem-se afirmado ao longo dos anos, como um importante meio de atração e de divulgação do território. Os estrangeiros representam já um terço do público do Festival e uma significativa parte dos visitantes regressa no ano seguinte. Este facto levou a que este evento fosse escolhido para integrar a restrita plataforma “Portuguese Music Festivals”.

Desde que os prémios Iberian Festival Awards arrancaram, o Festival MED tem sido sempre nomeado em várias categorias, tendo conquistado já o galardão de Melhor Festival de Média Dimensão (2017 e 2018), Melhor Promoção Turística em Portugal (2018) e Melhor Contributo para a Sustentabilidade (2019). Nesta edição era finalista em 10 categorias, sendo este o ano em que conseguiu o maior número de presenças na grande final. 

“Estamos muito felizes com estas distinções sobretudo num ano atípico, em que infelizmente não pudemos partilhar com o nosso público todos as alegrias que este evento nos oferece, quer em termos artísticos, quer no que respeita ao convívio entre todos os que vêm à nossa cidade vivenciar experiências e momentos únicos”, refere a organização.

Quanto à realização da edição do próximo ano, adianta: “Mais uma vez os galardões atribuídos pela organização dos Iberian Festival Awards são o reconhecimento do trabalho, dedicação e competência de todos os funcionários municipais que colaboram na realização do Festival MED, uma vasta equipa merecedora que, em 2021, voltará a brindar-nos com o que de melhor se faz no campo das músicas do mundo, para satisfação do nosso sempre exigente público”.

Refira-se que, de acordo com os responsáveis do evento, a edição do próximo ano será organizada tendo em consideração as condicionantes da pandemia, no momento em que se realizar o Festival.

GAP da CM LouléFestivalMED2FestivalMED3

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS