VRSA | Município Melhora Eficiência dos Sistemas de Rega e Reduz perdas de Água

Regionais
Tools
Typography

O município de Vila Real de Santo António formalizou, com a Agência Portuguesa do Ambiente (APA), o protocolo de colaboração para a «Monitorização e Controlo Ativo de Perdas» e «Adoção de Sistemas de Rega Urbana Inteligentes e Eficientes».

O programa faz parte de uma candidatura efetuada pela Câmara Municipal para a instalação de sistemas de rega inteligentes e eficientes em espaços verdes do concelho, cuja comparticipação atribuída é de 50 mil euros.

A assinatura do protocolo, válido por um ano, foi efetuada pelo vice-presidente do Conselho Diretivo da APA, I.P., José Pimenta Machado da Silva, e pelo vice-presidente da Câmara Municipal de VRSA, Luís Romão, numa cerimónia que teve lugar no Grande Auditório da Universidade do Algarve.

O ato inseriu-se na sessão pública de Apresentação do Plano Regional de Eficiência Hídrica (PREH) do Algarve e tem em vista a monitorização e controlo ativo de perdas e a adoção de sistemas de rega urbana inteligentes e eficientes na região.

Para Luís Romão, vice-presidente da Câmara Municipal de VRSA, «o programa constitui um contributo importante, uma vez que permite o controlo remoto do sistema de abastecimento de água, a identificação precoce de fugas/anomalias bem como a programação e adequação nos meses de chuva».

O objetivo é supervisionar as pressões no sistema de abastecimento e implementar uma estratégia de controlo ativo de perdas de água, recorrendo à setorização e monitorização da rede de distribuição e a inspeções regulares para a deteção e localização de roturas.

Através deste projeto, o município obterá não só uma poupança nos consumos de água, com óbvios ganhos ambientais, mas também verá também reduzida a fatura de água no que se reporta à rega de espaços verdes.

GC do Mun VRSASistemaRegaVRSA1

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS