Novembro foi um mês inteiro de Festival de Órgão no Algarve!

Regionais
Tools
Typography

15 apresentações foram atentamente escutadas pelo muito público que acorreu a Faro, Portimão, Boliqueime e Tavira. Veja as fotos (cedidas por Música XXI) na nossa galeria de Fotografias: https://www.maisalgarve.pt/fotogaleria/category/460-festival-orgao-algarve2019?start=0

Gyula Szilágyi encarregou-se do concerto de abertura em Portimão juntamente com o Grupo Coral Adágio, dirigido por António Pereira, abrindo também os concertos em Faro.
Na semana seguinte, André Ferreira foi o organista convidado, que se fez acompanhar da cantora Teresa Duarte em Portimão e do Grupo Coral Ossónoba em Faro, dirigido por Nuno Sequeira Rodrigues.

A Sé de Faro reuniu 300 crianças das escolas da cidade para um animado concerto pedagógico, com Inês Machado ao órgão e os narradores Ana Oliveira e António Gambóias.
Os alunos da Escola de Órgão da Sé de Faro também estiveram presentes no Festival, em concerto e numa missa que contou com a participação do coro de câmara Cantate Domino dirigido por Rui Jerónimo.

Rui Paiva e o Quarteto Arabesco trouxeram a sua música concertante a Boliqueime e a Faro. Também nestes locais estiveram em destaque os duetos para vozes soprano acompanhadas ao orgão, com António Duarte, Ana Paula Russo e Ariana Moutinho Russo.

Em Tavira, Célia Sousa Tavares mostrou a sua técnica.

Para encerrar a 12.ª edição do Festival de Órgão, Javier Artigas e os Ministriles de Marsias confirmaram a sua reputação como grupo de referência na música antiga com instrumentos históricos de sopro.

E assim acabou novembro, despedindo-se do Festival de Órgão. Para o ano haverá mais!

Fonte: Música XXIEncerraFestOrgao2

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS