Loulé integra projeto europeu “Healthy Cities”

Regionais
Tools
Typography

Dando continuidade ao trabalho desenvolvido no âmbito das “Vital Cities – Make you Active””, o Município de Loulé irá integrar agora o projeto europeu “Healthy Cities”, depois da candidatura ao mesmo ter sido uma das selecionadas.

O projeto Healthy Cities propõe criar uma rede de cidades para aprofundar a relação entre a saúde e o meio urbano, desenvolver políticas que coloquem o foco na melhoria do estado de saúde da população, bem como desenvolver uma avaliação rigorosa do impacto na saúde dessas políticas. As cidades podem considerar ações de diferentes pontos de vista e por meio de políticas diferentes, mas a perspetiva da saúde global irá fornecer uma estrutura comum e irá permitir desenvolver metodologias de partilha.

A par de Loulé, irão participar nesta rede as cidades de Vic (Espanha), Pärnu (Estónia), Farkadona (Grécia), Falerna (Itália), Anyksciai (Lituânia),  Planning Authority Malta (Malta), Alphen aan den Rijn (Holanda), Loulé (Portugal), Bradford (Reino Unido). O arranque oficial do projeto acontece nos dias 23, 24 e 25 de setembro, na cidade de Vic, em Espanha, e contará com a presença do vice-presidente da Autarquia, Pedro Pimpão, e do coordenador do projeto, Tiago Guadalupe, em representação de Loulé.

Refira-se que o Comité de Monitorização URBACT aprovou 23 Redes de Planeamento de Ação, as quais envolvem 26 países e 203 parceiros. Com a aprovação destas redes, concluem-se os procedimentos concursais no âmbito do URBACT III.

Dentro do ciclo de vida das Redes de Planeamento de Ação, todos os parceiros irão produzir um Plano de Ação Integrado. Também terão a oportunidade de testar algumas soluções de pequena escala nas suas cidades, desenvolvendo competências, reunindo as partes locais interessadas e construindo parcerias transnacionais.

Para os responsáveis municipais, “a participação em mais um projeto de carácter transnacional, alicerçado na rede programática da União Europeia, constitui a consolidação do trabalho que está a ser desenvolvido ao longo dos últimos anos pela Autarquia de Loulé e será mais uma oportunidade para uma profícua troca de experiências e de aprendizagens com outros parceiros europeus”.

Fonte: GAP da CM LouléLouleHealthyCities

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS