Banner Alto Página

Município de Loulé vai receber apoio comunitário para Sistemas Inteligentes de Transporte

Regionais
Tools
Typography

O Município de Loulé é uma das entidades que vai participar no projeto nacional Cooperative Streets do Instituto da Mobilidade e Transportes, inserido na Plataforma C-Roads, com o objetivo de aliar as novas tecnologias à mobilidade urbana, na senda do que é o conceito das Smart Cities.

Através de um acordo celebrado esta quinta-feira, em Eindhoven, numa sessão promovida pela Comissão Europeia, o Instituto da Mobilidade e Transportes irá receber 32 milhões de euros a repartir entre os 22 parceiros do projeto. A Câmara Municipal de Loulé, um dos parceiros desta iniciativa, irá em breve assinar um acordo com o Instituto, e assim receber uma parte desse fundo europeu, que será investido, em estreita colaboração com a Loulé Concelho Global, na modernização, acessibilidade e digitalização da rede de transporte em Loulé e Quarteira.

O projeto Cooperative Streets pretende implementar pilotos de serviços de C-ITS (Cooperative – Intelligent Transport Systems/sistemas inteligentes de transporte) em várias áreas urbanas e alimentar a rede TEN-T (Trans-European Transport Network/rede transeuropeia de transporte), complementando o âmbito do projeto C-Roads Portugal. São objetivos a segurança rodoviária, nomeadamente a redução de acidentes e incidentes, promoção da coesão, fazendo a ligação entre grandes áreas urbanas ao longo da rede principal, a promoção da descarbonização, promovendo também o uso do transporte público e as soluções de mobilidade baseadas nas necessidades individuais.

O sistema inteligente de transporte é um conjunto de soluções tecnológicas e tem como objetivo levar comodidade e conforto aos usuários de transporte público. Existem diversos tipos de dispositivos que compõem esse sistema como o GPS, posicionamento geográfico, os softwares de bilheteira eletrónica e de gestão de frota, o sistema de informação ao passageiro, os sensores de telemetria e a comunicação entre os carros e a central.

Para os responsáveis do Município de Loulé, “a participação neste projeto e a implementação de medidas inovadoras ao nível da mobilidade urbana, assentes na tecnologia de ponta, também em harmonia com outras cidades europeias, é mais uma das muitas ações levadas a cabo no Concelho com o objetivo de promover a descarbonização e a defesa do ambiente, sempre a pensar na qualidade de vida dos seus munícipes e das futuras gerações”.

Refira-se que a Autarquia de Loulé marcou presença no Congresso Europeu ITS 2019, o maior evento europeu dedicado à mobilidade inteligente e à digitalização dos transportes, em Eindhoven, no dia 6 de junho.

O Congresso, que este ano decorreu na Holanda entre 3 e 6 de junho, foi uma oportunidade para reunir os agentes europeus e mundiais do setor de forma a partilharem experiência, debaterem o setor e puderem encontrar, em conjunto, caminhos para o futuro. Em 2020 o congresso irá decorrer em Lisboa entre os dias 18 e 21 de maio.

Ainda no âmbito deste Encontro, o executivo camarário recebeu 15 mil euros, resultante de um acordo assinado em setembro de 2018 com a Comissão Europeia, integrado no projeto “WIFI 4EU”. Este fundo destina-se ao alargamento da rede WIFI gratuita no Concelho de Loulé, nomeadamente nalgumas zonas do interior, cobrindo este valor o equipamento e instalação de pontos hotspot em espaços públicos, de forma a promover o acesso livre e de qualidade ao nível da cobertura de internet aos munícipes.

Fonte: GAP da CM LouléCooperativeStreetsLouleCooperativeStreetsLoule1

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS