Loulé esteve em destaque no "URBACT City Festival"

Regionais
Tools
Typography

Decorreu em Lisboa, de 12 a 14 de setembro, o “URBACT City Festival”, evento que, pela primeira vez, teve lugar em Portugal, e no qual Loulé marcou presença.

Estiveram presentes 572 participantes provenientes de 269 cidades europeias. Ao todo, 32 países marcaram presença nos três dias de intenso trabalho. O Município de Loulé, que foi líder europeu do projeto “Vital Cities”, esteve representado por uma comitiva constituída por Heloísa Madeira, vereadora da Câmara Municipal, Tiago Guadalupe, coordenador geral das “Vital Cities”, e Luís Vicente, parceiro local do Município que coordenou a elaboração do Plano de Ação Local.

O URBACT é um programa de cooperação territorial europeia que promove o desenvolvimento urbano sustentável nas cidades de toda a Europa. É financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional e pelos estados membros e parceiros da União Europeia desde 2002. Permite às cidades trabalharem em conjunto no desenvolvimento de soluções novas e sustentáveis para os principais desafios urbanos, através de redes, partilha de conhecimento e capacitação de profissionais urbanos.

Nesta 3ª edição do Festival, Loulé esteve em plano de destaque pelo sucesso nacional e internacional alcançado na liderança do projeto “Vital Cities”, bem como por ter sido um dos municípios que se destacou pelas ações realizadas sendo uma referência para diversos países europeus. Iniciativas criadas pela Câmara Municipal no âmbito do projeto “Vital Cities”, como “Verão Ativo” ou “Individualidades na Escola”, estão a ser replicadas na Republica Checa, Polónia, Bulgária e Hungria.

Neste evento internacional foi ainda demonstrado e partilhado o trabalho realizado nos últimos 3 anos por 20 redes, em mais de 210 cidades europeias. O Festival mostrou os resultados conseguidos e testados por essas redes, atuando como “bancos de teste” para soluções inteligentes e inovadoras perante as questões: Como podemos tornar as nossas cidades mais sustentáveis, mais iguais e mais acolhedoras? Como podemos aumentar a atratividade das nossas cidades e combater o desemprego? Como podemos fomentar a inclusão social, ou o envelhecimento ativo? Certificarmo-nos de que elas estão preparadas para as alterações climáticas e resilientes? Como podemos fazer tudo isto com menos recursos?

Verificando-se a urgência das respostas a estas e outras perguntas, os mais de 500 participantes foram conduzidos através de um programa de três dias repletos de intercâmbios estruturados e encontros diversos onde foram dadas a conhecer todas as diferentes iniciativas e projetos urbanos. Os participantes trocaram, assim, conhecimento com os profissionais urbanos diretamente responsáveis pelos projetos, fortaleceram “networks”, partilharam experiências, demonstraram novas abordagens a problemas comuns e novas perspetivas para as soluções necessárias.

O Plano de Ação Local, elaborado pelo Município louletano, pode ser consultado em:

https://www.louledesporto.com/wp-content/uploads/2018/08/LOULE%CC%81_IAP_2018-05-Final-1.pdf

Fonte: GAP da CM LouléUrbactLoule1UrbactLoule2

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS