Lagos apoia gestão da Via Algarviana e candidatura à sua Valorização

Regionais
Tools
Typography

Foi deliberado na última reunião do Executivo municipal lacobrigense atribuir à Almargem - Associação de Defesa do Património, Cultural e Ambiental do Algarve um subsídio anual no montante de 3 655,96€ para fazer face às despesas de gestão, manutenção e promoção da Grande Rota Pedestre Via Algarviana.

Assumindo-se como um dos 13 parceiros deste projeto, o Município de Lagos declarou igualmente o seu apoio e interesse na candidatura intitulada “Via Algarviana – (Des)envolvendo o Interior do Algarve” que a Almargem fez ao programa Valorizar – Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior para assegurar a gestão dos 300 Km de traçado da Via por um período de mais 5 anos.

Em paralelo, a autarquia e o conjunto das entidades parceiras continuam a efetuar esforços para se definir e implementar um modelo de gestão que garanta a sustentabilidade do projeto no médio e longo prazo, atendendo à sua importância estratégica como produto turístico alternativo da oferta da região, sobretudo em período de época baixa.

Recorde-se que a Via Algarviana atravessa o concelho de Lagos na área da União de Freguesias de Bensafrim e Barão de São João (setor 12 – Marmelete» Bensafrim – 30 Km e setor 13 – Bensafrim » Vila do Bispo – 30,19 Km) , sendo complementada por um percurso de 10,1 Km que faz a ligação à estação de comboios de Lagos e por um percurso complementar designado de “Pedra do Galo”, com 8,4 Km de extensão pela Mata de Barão de São João que dá a conhecer os valores paisagísticos, naturais e culturais desta importante mancha verde do território.

Fonte: SC da CM LagosViaAlgarviana

 

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS