SB de Alportel celebrou 104 anos de Município honrando a memória, com os olhos no futuro

Regionais
Tools
Typography

O Município de São Brás de Alportel comemorou o seu 104.º aniversário a 1 de junho com um leque de momentos especiais, de onde se destaca a inauguração do Espaço Memória do Município, a entrega de insígnias municipais, uma interessante Palestra e Exposição de rua sobre a história da saúde no concelho; e o concerto comemorativo com Diogo Piçarra.

“A celebração desta data só é possível porque em 1914, homens e mulheres são-brasenses conseguiram ver mais além, ultrapassaram limites e lutaram com convicção por uma nova realidade: a ascensão de São Brás de Alportel a concelho”, sublinhou o Presidente da Câmara Municipal, Vitor Guerreiro, na sua mensagem de abertura da Sessão Solene Comemorativa.

“Com respeito pelo passado, planeamos no presente o futuro. Um futuro que se constrói todos os dias com trabalho, dedicação, empenho, rigor e responsabilidade” e uma estratégia de desenvolvimento eficaz e atenta aos desafios que rodeiam o concelho ao nível social, cultural, económico e ambiental, acrescentou.

Estratégia e olhar atento que motivam o empenhamento de esforços em diversas frentes como é o caso da luta pelo pleno funcionamento do Centro de Medicina e Reabilitação do Sul, pela requalificação da Estrada Nacional 2 e melhoria do acesso à Via do Infante (A22), bem como por projetos estruturantes como a Barragem do Monte da Ribeira, o Centro de Incubação de Empresas e Empreendedorismo de São Brás de Alportel, o novo Terminal Rodoviário, a Reabilitação da Entrada Sul, entre outros projetos que visam a dinamização e o apoio da economia local.

A Sessão Solene contou com a presença do Secretário de Estado das Autarquias Locais, Dr. Carlos Miguel, que na sua intervenção como “autarca convicto” afirmou que o desenvolvimento de cada concelho é também o reflexo da forma como as várias entidades locais rumam no mesmo sentido. Um rumo positivo que disse identificar em São Brás de Alportel. “Um rumo pela proximidade aos cidadãos e na resolução dos problemas da comunidade que tem levado os autarcas a reclamar a descentralização de competências e de meios para assumir novas responsabilidades”. Um cenário para o qual afirmou que o Governo está atento e disponível a trabalhar em diferentes vertentes.

A Sessão Solene contou com um momento de entrega de insígnias municipais. A insígnia de Bons Serviço foi entregue aos colaboradores da autarquia: António Viegas Gonçalves, Hélder Brito Rosa, Jorge de Sousa Alves e Maria do Rosário Narciso, por 25 ou mais anos de serviço em prol do bem comum. A insígnia de Mérito foi entregue aos jornais locais “O Sambrasense” e “Notícias de São Braz”; às empresas do setor corticeiro em laboração na atualidade: António Custódio da Conceição e Filhos, Lda.; Corticeira Gago, Lda.; Eco Fábrica de Francisco Carrusca; Manuel Jacinto & Sousa, Lda. e Nova Cortiça; bem como a 3 empresas históricas: Construtora Manuel Martins Negrão Júnior, Lda., Recauchutagem Chaveca & Janeira e Fábrica de Móveis Beirão.

A insígnia de Mérito foi também entregue a três são-brasenses que muito dignificam o concelho: o Prof. Doutor Amílcar Estrada, Manuel João Faísca e Dr. Brás Calçada. A insígnia de Honra foi atribuída a Vitor Brito, que ficará para sempre na história da aeronáutica nacional; e para finalizar a insígnia de Valor e Altruísmo foi atribuída a Alejandro Barcia e a José Paulino.

A inauguração do Espaço Memória foi o culminar da Sessão Solene. Um espaço que se constitui como guardião da história do concelho e que presta homenagem àqueles que no passado contribuíram para que hoje se possam escrever páginas de futuro. Uma verdadeira viagem no tempo por meio milénio de memória é o convite que ora é lançado aos munícipes e visitantes, neste novo polo e atratividade turística para o centro histórico.

“Rumamos a um futuro, verdadeiramente melhor para todos; alcançando uma importante conquista no nosso Plano Municipal de Acessibilidades”, observou a Vice-Presidente, Marlene Guerreiro, referindo que a obra de reabilitação que deu origem ao Espaço Memória permitiu também a tão almejada inclusão de um elevador no edifício da Câmara Municipal, tornando-o acessível a todos os cidadãos.

O programa de comemorações prosseguiu à tarde com uma romagem ao Mausoléu do fundador do concelho, João Rosa Beatriz, no Cemitério Municipal; à qual se seguiu a interessante Palestra “São Brás de Alportel: Leituras sobre o Património da Saúde”, com  participação de Emanuel Sancho, João Duarte e Paula Saraiva, que levaram os presentes numa viagem pelas memórias da Saúde no concelho, numa sessão integrada no ciclo de atividades comemorativas do Centenário do Sanatório Vasconcelos Porto, do final da Primeira Guerra Mundial e da Gripe Pneumónica. Seguidamente, no Largo de São Sebastião teve lugar a inauguração da exposição de rua “Espaços e Personalidades ligadas à saúde no concelho de São Brás de Alportel” integrada no mesmo ciclo comemorativo.

Tarde fora, em Dia da Criança, o Jardim Carrera Viegas foi o anfitrião da Festa da Criança, com propostas animadas para toda a família, onde se incluiu uma visita ao “Hospital de Brincar”, numa parceria com o Hospital Central do Algarve.

À noite, a Praça da República esteve ao rubro com o concerto comemorativo de Diogo Piçarra. O 104.º aniversário do Município de São Brás de Alportel foi celebrado com muitos milhares de são-brasenses a cantar os parabéns ao concelho enquanto o céu se iluminou perante um deslumbrante espetáculo de fogo-de-artifício, assinado uma vez mais pela Sociedade de Fogos de Artifício de São Brás de Alportel.

Fonte: GI da CM SBASaoBA104anos1SaoBA104anos2SaoBA104anos3SaoBA104anos4SaoBA104anos5SaoBA104anos6

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS