GNR: Tomada de Posse do novo Comandante da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro (UEPS)

Nacionais
Tools
Typography

A Guarda Nacional Republicana (GNR) realizou dia 21 de setembro, pelas 15h00, a cerimónia de tomada de posse do novo Comandante da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro (UEPS), Brigadeiro-general Jorge Goulão, numa cerimónia que foi presidida pelo Exmo. Comandante Geral, Tenente-General Rui Clero, que conferiu posse, e que teve lugar nas instalações do Comando Geral da GNR.

O Brigadeiro-general Jorge Goulão, é natural de Lisboa e nasceu no dia 14 de setembro de 1967. É licenciado em Ciências Militares, pela Academia Militar, na especialidade da Guarda Nacional Republicana. Entre outras habilitações académicas, possui uma Pós-graduação em Criminologia, pela Universidade Lusíada e uma Pós-graduação em Direito e Segurança pela Faculdade de Direito, pela Universidade Nova de Lisboa. Dos diversos cursos da Guarda que possui, destacam-se o Curso de Informações da Guarda para Oficiais, o Curso de Investigação Criminal para Oficiais e o Curso de "Técnicas de Entrevista e Interrogatório". Destacam-se ainda o Curso de Future Leaders da European Police College (CEPOL) frequentado na Finlândia, o Curso de Tráficos Ilícitos da Delinquência Organizada e Joint Investigation Teams, frequentados em Espanha na Guardia Civil e o Estágio Prático de Criminalidade nos Grande Centros Urbanos, frequentado em França.

Ingressou no quadro permanente da Guarda Nacional Republicana em 1991, tendo desempenhado diversas funções ao longo da sua carreira profissional, das quais se destacam:

  • Comandante do Destacamento Territorial de Oeiras;
  • Oficial de Informações no Iraque: "Operação Antiga Babilónia";
  • Chefe de uma equipa nacional de Investigação Criminal em Angola;
  • Chefe da Secção Central de Investigação Criminal na Chefia de Investigação Criminal;
  • Assessor do General Comandante-Geral;
  • Coordenador do Grupo Disciplinar de Investigação Criminal na Escola da Guarda;
  • Chefe da Secção de Informações e Investigação Criminal do Comando Territorial de Lisboa;
  • Chefe da Secção de Operações, Treino e Relações Públicas do Comando Territorial de Setúbal;
  • Chefe da Secção de Informações e Investigação Criminal de Setúbal;
  • Comandante do Comando Territorial de Lisboa

Na sua folha de serviço constam vários louvores e condecorações, nacionais e estrangeiras.

A UEPS é uma unidade especializada da Guarda Nacional Republicana, criada pelo Decreto-Lei n.º 113/2018, de 18 de dezembro, que tem como missão específica a execução de ações de prevenção e de intervenção, em todo o território nacional, em situações de acidente grave e catástrofe, designadamente nas ocorrências de incêndios rurais, de matérias perigosas, de cheias, de sismos, de busca, resgate e salvamento em diferentes ambientes, bem como em outras situações de emergência de proteção e socorro, incluindo a inspeção judiciária em meio aquático e subaquático. A UEPS compreende  o Comando de Grupo de Emergência de Proteção e Socorro, quatro Companhias de Ataque Estendido, que se articulam em pelotões; oito Companhias de Intervenção de Proteção e Socorro, que se articulam em postos; e uma Companhia de Intervenção e Proteção em Emergência.

GNR-DCRPBrigadeiroGenJorgeGoulaoGNRBrigadeiroGenJorgeGoulao 1

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS