Se eu perder esse trem... só amanhã de manhã

Solta-mente
Tools
Typography

O Plano Director Municipal (PDM) é um instrumento legal que as Câmaras Municipais são obrigadas a ter e a actualizar de dez em dez anos. Básica e rapidamente, é em consonância com essas linhas directrizes que são desenhadas as estratégias de desenvolvimento municipal que orientam a ocupação do território.

Em Faro foi finalmente apresentado um PDM actualizado, com um atraso de 20 anos e incide em larga escala sobre a questão dos transportes ferroviários.

Sim, o combóio lá se atrasou outra vez, mas parece que o cenário vai mesmo mudar na capital algarvia. Pelo menos, diz que a linha ferroviária vai sair da frente da Ria Formosa, em Faro, com a aprovação das Infra-estruturas de Portugal.

A estação continuará central, mas a linha segue mais pela EN125 com a criação de uma estação intermodal no Patacão. Isso liberta a Ria Formosa do peso, da vista e da poluição visual, sonora, entre outras coisas.

E digo eu: agora só falta que os comboios, passando ou não pela frente da Ria Formosa, sirvam a população eficientemente, com horários seriamente pensados para quem trabalha, estuda e visita a capital do Algarve.

Talvez, com um pouco de sorte, essa mesma capital assuma o património natural e humano que é o seu legado e se lembre que está virada para a Ria Formosa. Talvez o elo com as ilhas barreira saia fortalecido, agora que a vista ficará mais desimpedida.

Quantos aos horários dos comboios, por cá vamos trauteando até 2030, com sotaque adocicado: “Se eu perder esse trem/ Que sai agora às onze horas/ Só amanhã de manhã” (os nossos terminam às oito e tal e é por isso que… “E o meu coração embora/ finja fazer mil viagens/ fica batendo parado / naquela estação.”

Selma NunesPerder o Trem

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS